quinta-feira, dezembro 10, 2009

Obama fala sobre a guerra na cerimônia do Prêmio Nobel da Paz


Barack Obama lembrou esta manhã, no Instituto Nobel, em Oslo, onde assinou o livro de hóspedes, Martin Luther King, Nelson Mandela e Madre Teresa de Calcutá, que também foram laureados com o Nobel da Paz.
Mas nem só de lembranças agradáveis foi o discurso:
"Nenhuma guerra pode ser uma guerra justa", afirmou Barack Obama, depois de analisar que "as guerras entre exércitos deram origem a guerras entre Nações".
Sem se desculpar, Obama não deixou de falar nas "guerras" em que está envolvido agora, especialmente o envio de mais soldados para o Afeganistão. "Não posso ficar parado face às ameaças contra o povo norte-americano. E os Estados Unidos não devem sacrificar os seus ideais perante os seus inimigos", disse.

Nenhum comentário: