terça-feira, agosto 26, 2008

Correr retarda efeitos do envelhecimento

A pesquisa, realizada nos Estados Unidos, analisou, durante um período de 20 anos, 500 idosos com mais de 50 anos que tinham o hábito de correr e comparou a saúde e bem-estar físico desses participantes com um grupo similar de não-corredores.

Depois de 19 anos, os pesquisadores da Stanford University Medical Center identificaram que 34% dos idosos que não corriam haviam morrido, comparados com apenas 15% entre os que corriam com freqüência.

Nenhum comentário: